Minha Casa Minha Vida

A Prefeitura de Florianópolis mantém parceria com a Caixa Econômica Federal (CEF), por meio da qual já foram construídos dois empreendimentos residenciais Faixa 1 do Programa Minha Casa Minha Vida em Florianópolis, e está sendo previsto o terceiro, o primeiro dentro da ilha.

Editado em 6 de junho de 2024

Informações do Projeto

Apresentação

O programa Minha Casa Minha Vida é uma importante ferramenta de inclusão social e promoção do desenvolvimento urbano, e tem beneficiado milhões de famílias de baixa renda, proporcionando acesso à moradia digna e contribuindo para a redução do déficit habitacional. 

Uma das principais características do programa é a parceria entre o governo, empresas do setor da construção civil e beneficiários. Por meio de subsídios, financiamentos acessíveis e incentivos fiscais, o Minha Casa Minha Vida viabiliza a construção e aquisição de imóveis para famílias que não teriam condições de alcançar esse objetivo de forma convencional.

O programa também contempla ações de urbanização e infraestrutura, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida nas áreas beneficiadas. Ruas asfaltadas, redes de esgoto, iluminação pública e áreas de lazer são alguns dos benefícios que as comunidades recebem.

Outro aspecto relevante do Minha Casa Minha Vida é o estímulo à geração de emprego e renda. A construção civil é um dos setores que mais emprega mão de obra no Brasil, e o programa impulsiona o mercado, gerando oportunidades de trabalho não apenas na construção de novas unidades habitacionais, mas também em setores correlatos, como o fornecimento de materiais de construção.

Além dos benefícios econômicos e sociais, ter um lar próprio representa mais do que apenas um teto sobre a cabeça; é o sentimento de segurança, estabilidade e pertencimento que transforma vidas e comunidades.

O município de Florianópolis já entregou dois empreendimentos do Minha Casa Minha Vida Faixa 1 e se prepara para entregar o terceiro. O primeiro está localizado no Jardim Atlântico/Coloninha, beneficiou 78 famílias residentes do continente e foi inaugurado em 2018. 

WhatsApp Image 2024-02-19 at 11.33.46.jpeg
Conjunto Habitacional Jardim Atlântico

O segundo empreendimento é o residencial Ponta do Leal, entregue em 2019, que foi construído no bairro Estreito e foi ocupado pelas famílias cadastradas que viviam na comunidade da Ponta do Leal. Neste, são 88 apartamentos, distribuídos em quatro blocos.

WhatsApp Image 2024-02-19 at 11.34.02.jpeg
Conjunto Habitacional Ponta Leal

Empreendimento Conjunto Habitacional Complexo Caeira

Em novembro de 2023 o município de Florianópolis foi contemplado com mais um empreendimento do programa Minha Casa Minha Vida: o terceiro Faixa 1 da cidade e o primeiro localizado na ilha, na comunidade do Alto Caeira, no Maciço do Morro da Cruz, território onde hoje está situada a comunidade Marielle Franco.

WhatsApp Image 2024-06-06 at 14.39.50.jpeg
Comunidade Marielle Franco

A expectativa é que sejam executadas no mínimo 164 unidades habitacionais, com área de lazer e playground, além de toda infraestrutura urbana necessária na área para a construção do empreendimento. 

A Secretaria de Habitação e Desenvolvimento Urbano, depois de diálogos com a comunidade e da realização das selagens através do trabalho técnico social, delimitou a área da comunidade onde será erguido o empreendimento habitacional. A prioridade do atendimento das unidades habitacionais ficará com os moradores residentes da comunidade que cumprirem os requisitos do programa Minha Casa Minha Vida. 

mcmv marielle.PNG
Área congelada da comunidade

De toda forma, é muito importante que a população de Florianópolis preencha o Cadastro Habitacional, que você pode acessar no fim dessa página, para que se consolide um banco de dados do déficit habitacional da cidade, bem como proporcionar um planejamento de atendimento de futuros projetos habitacionais.

Veja outras fotos dos empreendimentos já construídos:

1
2
3
4
5
6

Temas