Editado em 17 de junho de 2024

Unidade de Conservação (UC) Parque Natural Municipal das DUNAS DA LAGOA DA CONCEIÇÃO

DATA DE CRIAÇÃO: 16/09/1988
ECOSSISTEMA: Restinga
ÁREA: 706,76 hectares · Perímetro: 31.770m
CATEGORIA DE MANEJO: Parque Natural
LOCALIZAÇÃO: Lagoa da Conceição, Av. das Rendeiras, Praia da Joaquina,
Campeche, Lagoa Pequena, Av. Pequeno Príncipe, Lagoa da Chica.
CONTATO: +55 48 3237-5660 · fdepuc.floram@gmail.com
ACESSO: Aberta ao público, sem restrições de acesso. Para uso da Base de Educação Ambiental, agendar previamente.
ATRATIVOS: Praia da Joaquina (estacionamento), sítio arqueológico, campo de dunas, sandboard, Praia do Campeche, ranchos de pesca artesanal, Lagoa Pequena, Lagoa da Chica, transporte para Ilha do Campeche (Patrimônio Tombado) e complexo turístico.
SEDE: Base de Educação Ambiental da Lagoa Pequena; Campo de Futebol

OBJETIVOS DA UC - Art. 5º da Lei 10.388/2018

I. Contribuir para a manutenção da diversidade biológica e dos recursos genéticos, florísticos e faunísticos; 
II. Garantir condições para a preservação e a restauração da diversidade de ecossistemas nacionais; 
III. Proteger paisagens naturais de notável beleza cênica; 
IV. Promover a proteção e recuperação de ambientes degradados; 
V. Proporcionar meios e incentivos para atividades de pesquisa científica, estudos e monitoramento ambiental; 
VI. Favorecer condições e promover a educação e interpretação ambiental, a recreação em contato com a natureza e o turismo ecológico; 
VII. Proteger os recursos naturais em compatibilidade com as populações tradicionais que vivem em seu entorno, respeitando e valorizando o seu conhecimento e sua cultura e promovendo-as social e economicamente; 
VIII. Proteger as características relevantes de natureza geológica, geomorfológica, arqueológica e cultural.

HISTÓRICO: “das lagoas formosas”

Criada em 1988, a UC garante a paisagem da Lagoa da Conceição, maior cartão postal natural de Florianópolis. Seus limites foram apropriados das leis de tombamento das dunas, portanto, incluíam todo o complexo de dunas mas também todas as centenas de edificações situadas entre a Lagoa e a Praia da Joaquina e, abruptamente, era interrompido pelo encontro dos distritos da Lagoa e Rio Tavares. 

Vinte anos depois, com a Lei 10.388/18, o imbróglio foi superado, aproveitando proposta técnica de limites consensuada em três consultas públicas ocorridas em 2014. 

Nessas ocasiões, foi apresentada para as comunidades da Lagoa, Rio Tavares e Campeche, a manutenção da categoria Parque, agora adequada ao SNUC como Parque Natural e a ampliação da UC incluindo as tombadas Lagoa Pequena e Lagoa da Chica, salvaguardando linearmente o remanescente de restinga e o contexto cultural da pesca artesanal, surf e uso público. Em 2022 seu Conselho Gestor foi criado em conjunto com o Parque Natural Municipal da Lagoinha do Leste visando a elaboração do Plano de Manejo.

Cartilhas

Gestão do Programa

Fundação Municipal do Meio Ambiente FLORAM

Temas